Planeta Água em Perigo

Durante a Eco 92, no Rio de Janeiro, as Nações Unidas estipularam 22 de março como o Dia Mundial da Água. A data é um meio de focar a atenção na importância desse recurso e de defender a gestão sustentável de fontes de água potável. Em 2010, o evento é dedicado ao tema “Água Limpa por um Mundo Saudável“.

É interessante notar que “enquanto o mundo está devidamente se mexendo para enfrentar os desafios apresentados pelas mudanças climáticas e pelo esgostamento das fontes de combustíveis fósseis, a mesma consciência e consenso não existem quando se trata de falar sobre nosso uso da água”, diz o presidente mundial da Nestlé Peter Brabeck-Letmanthe, “ainda que a verdade nua e crua seja que nós provavelmente ficaremos sem água bem antes de ficarmos sem petróleo.”

No artigo “World Water Day: Why business needs to worry” (“Dia Mundial da Água: Porque o mundo do negócios precisa se preocupar”), publicado no site da BBC, Brabeck-Letmanthe explica o porquê da eficiência no uso da água na agricultura e da disponibilidade de microfinanciamento para agricultores ansiosos por reduzir seu desperdício desse recurso serem cruciais num cenário onde, nos próximos 20 anos, a demanda global de água será 40% maior do que pode ser atualmente fornecido de maneira sustentável.

O imperativo de mudança pelo uso eficiente da água é reforçado por um estudo das Nações Unidas, conforme informa a notícia “Tanta água disponível é incentivo ao desperdício“, publicada no site Planeta Sustentável: “É verdade que muito pouco dos 70% de água da Terra está, de fato, disponível para o consumo humano. Apenas 2,5% dessa água é doce e a maior parte dela (cerca de 2,2%) encontra-se em regiões de difícil acesso, como geleiras. Ou seja, no final das contas, o homem ‘tem direito’ a 0,3% da água do planeta, mas isso não é desculpa para a escassez que já vivemos hoje, porque, segundo a ONU, esse ‘mísero’ 0,3%, na verdade, é muito e seria mais do que suficiente para toda a população do planeta viver de forma digna.”

Enfim, para acompanhar essas informações, uma canção do Guilherme Arantes pertinente ao tema e da qual eu muito gosto:

Feche a torneira enquanto escovar os dentes!

Advertisements

Encontros e Despedidas

Nos últimos dias, ando ocupado mexendo com toda a papelada do meu estágio. Como o centro de pesquisas onde trabalharei está a cerca de 26 km da cidade onde vivo, tenho andado bastante de ônibus e, por isso, observado por mais tempo a dinâmica de uma estação de ônibus, mas sob uma visão mais pessoal e emotiva do que profissional e técnica, por viajar sozinho e estar me preparando para um próximo nível na vida.

Mais recentemente, na minha última viagem, enquanto esperava pelo ônibus de volta para casa na rodoviária de Cachoeira Paulista, uma bela canção de Milton Nascimento começou a tocar em minha mente:

Read more…

Por que as pessoas seguem um líder?

Why Other Follow?” foi originalmente publicado por Dan Rockwell em 28 de janeiro de 2010 no blog Leadership Freak.

A definição mais simples de um líder é alguém com seguidores. Colocado de forma negativa, se você não tem seguidores, você não é um líder. Então, aqui vai a grande pergunta. Por que as pessoas estão seguindo você?

Um jovem líder que eu estava treinando recebeu um prêmio de liderança. Após ele descrever o prêmio, eu lhe perguntei: “Por que você recebeu esse prêmio?” Ele respondeu: “Eu não tenho idéia.” Eu lhe disse: “Vá descobrir a razão.” Por quê?

Líderes vão mais alto quando sabem porque os outros estão lhes seguindo.

Por que as pessoas estão seguindo você? Faça a si mesmo essas quatro perguntas.

Read more…

All “We” Need is Love

A rede de cafeterias norte-americana Starbucks teve uma ideia bem bacana para conscientizar as pessoas sobre o problema da AIDS na África: em dezembro de 2009, eles convidaram músicos de todo o planeta para cantar juntos a canção dos Beatles “All You Need is Love”. O resultado?

Que diversidade linda, não? E tem mais, você pode enviar sua própria versão dessa música dos Beatles para o site do Starbucks Love Project e a empresa fará uma contribuição para um fundo global de combate à AIDS na África para cada vídeo enviado. Caso você não cante tão bem (assim como eu), pode mandar um desenho para o projeto. Cada desenho será convertido em uma doação de 5 centavos de dólar do Starbucks para aquele fundo global.

Read more…

Conversa Positiva

Positive Talk” foi originalmente publicado por Dan Rockwell em 18 de dezembro de 2009 no blog Leadership Freak.

Há uma escola de liderança que acredita que você não agradece pessoas por aquilo que são pagas para fazer. Afinal, elas estão sendo pagas. Aqui está o problema com essa abordagem: leva quatro declarações positivas para compensar o efeito de uma negativa. Sentenças começando com “você estragou…” nos marcam, enquanto aquelas começando com “eu aprecio…” desaparecem com facilidade de nossa mente.

Read more…

As 10 Melhores Perguntas

10 Best Questions Ever” foi originalmente publicado por Dan Rockwell em 05 de março de 2010 no blog Leadership Freak.

Se você está interessado em construir relacionamentos, comece a fazer perguntas. Se está interessado em aumentar as suas oportunidades e chegar mais alto, comece a perguntar. Se quiser homenagear alguém, faça-lhe uma pergunta. Perguntar é a coisa mais inteligente que você pode fazer.

Ainda mais importante, uma pergunta gera silêncio e o silêncio é a oportunidade final.

As 10 Melhores Perguntas

Read more…

Vou te contar

Tom Jobim é um dos meus músicos favoritos. Suas canções são sofisticadas e de qualidade, eu adoro ouvi-las. Uma composição do Tom que muito me agrada é “Wave”, publicada pela primeira vez em 1967 no álbum de mesmo nome. Há ainda a versão em inglês dessa música, interpretada por Frank Sinatra junto com o próprio Tom. Ambas são pura arte!

Para mim, boa música embala uma boa conversa e inspira a mente. Gosto de ouvir música enquanto estudo e sempre escrevo ao som de bossa nova e outros estilos, assim o pensamento flui mais leve e naturalmente e fica prazeroso passar o tempo. É como se a música criasse uma barreira entre mim e o mundo externo, permitindo que eu foque na tarefa que preciso cumprir mesmo quando há caos lá fora.

Read more…